Fazendo a leitura do livro dos profestas AGEU e ZACARIAS algo muito tremendo Deus fez saltar para o meu coração e fiquei a meditar.

Em AGEU  vemos Deus alertando Seu povo para reconstruir o templo.

Diz  a eles em como é  possível viverem em casas confortáveis, buscarem as coisas para si próprios, para suas casas e esquecerem da casa de Deus deixando-a  de lado, precisando ser restaurada, reconstruída?

Hoje  a casa de Deus somos nós: individualmente morada de Deus e também a Igreja, seu povo. Ele faz menção de tudo o que o povo faz, mas não prospera… De como buscam plantar muitas coisas, mas colhem pouco; comem mas não saciam a fome ; se cobrem, mas não conseguem se proteger do frio… ou seja, ficam correndo atrás das coisas desta vida, para tornar o seu viver aqui confortável mas não adianta em nada, pois o próprio Deus reteve…

Mas adiante na leitura vemos a promessa de Deus a Zorobabel, que inicia a restauração do templo e Deus seu povo e a ele. Ainda que falte alimento, mesmo que não haja fruto,  ainda assim o Senhor os suprirá em tudo!

Notei que Deus deixa muito claro, notório que é Ele quem acrescenta tudo o que precisamos e muito além!! Ele tem prazer em dar o que precisamos e nos abençoar quando cuidamos de fazer aquilo que Ele ordenou, cuidar de Suas coisas na Terra, zelar pelo seu templo, sua morada, ou seja,

 SUA IGREJA =NÓS = EU!!

Em Zacarias, não tinha notado, mas é o mesmo período de tempo descrito em Ageu. O texto narra em ambos os livros: segundo reinado de Dario, rei da Pérsia. Contudo, em Zacarias parece ser alguns meses depois provavelmente ( desculpem, eu não sou muito boa com noção de tempo e espaço..rs).

Enfim, de tantas coisas, o que de fato Deus ressaltou ao meu coração foi a promessa a Zorobabel, dizendo que desprezaram o pequeno começo da reconstrução do templo, não acreditaram que fossem terminar e Deus prometeu que ele, o próprio homem que iniciou a obra, iria concluí-la.

Deus valoriza a iniciativa deste homem! Mesmo sendo tão pequeno o que ele fez, porém tão importante pois era o ALICERCE! Era a base de uma gigantesca construção. Deus o abençoa e garante que todos iriam se alegrar ao ver o templo pronto!

Aleluia!!!

Queridos, se Deus valoriza os nossos pequenos começos, quem somos nós para não valorizarmos e desprezarmos?

Não podemos desprezar e não considerar os pequenos começos, as pequenas mudanças em nossa vida, na vida dos nossos irmãos, dos familiares, dos conjugês, dos filhos, dos pais, dos discípulos..!! Não podemos!

Temos de ter a fé que houve em profeta Elias que ao ver aquela pequena nuvem, do tamanho da mão de um homem, viu que era apenas o sinal da grande e abundante chuva do Senhor! Assim nós, diante das situações que temos apresentado diante do Pai Eterno que se apresenta como SENHOR TODO PODEROSO temos de enxergar essa pequena nuvem!

Valorizemos os pequenos começos de Deus em nós, e não nos desanimemos na caminhada!

Perseveremos até o fim! Pois somente os que perseverarem até o fim, receberão a coroa da glória!!

Abraços fraternos,

… de alguém que é um pequeno começo de um grande milagre de Deus (em nome de Jesus.)

Anúncios